domingo, fevereiro 01, 2015

Texto do Día - Semana de 2 de fevereiro

ADS

Examine as Escrituras Diariamente 2015 com textos bíblicos

Segunda-feira, 2 de fevereiro

Forçosamente sereis como Deus, sabendo o que é bom e o que é mau. — Gên. 3:5.

Ao tentar Eva, Satanás insinuou que Deus estava lhe negando algo maravilhoso. O Diabo disse a ela que, no mesmo dia em que comesse da “árvore do conhecimento do que é bom e do que é mau”, ela ‘forçosamente seria como Deus, sabendo o que é bom e o que é mau’. (Gên. 2:17) Assim, Satanás sugeriu que Eva poderia tornar-se independente de Jeová. Pelo visto, um fator que a levou a aceitar essa mentira foi o orgulho. Ela comeu do fruto proibido, acreditando que realmente não morreria. Como estava enganada! Em contraste com Eva, Jesus deu um excelente exemplo de humildade. Satanás o tentou de outra maneira, mas Jesus rejeitou até mesmo a ideia de fazer algo dramático que colocasse Deus à prova. Isso teria sido um ato de orgulho! Em vez disso, a resposta de Jesus foi clara e direta: “Dito está: ‘Não deves pôr Jeová, teu Deus, à prova.’” — Luc. 4:9-12. w13 15/8 4:11, 12

Gên. 3:5 Porque Deus sabe que, no mesmo dia em que comerdes dele, forçosamente se abrirão os vossos olhos e forçosamente sereis como Deus, sabendo o que é bom e o que é mau.”
Gên. 2:17 Mas, quanto à árvore do conhecimento do que é bom e do que é mau, não deves comer dela, porque no dia em que dela comeres, positivamente morrerás.”
Luc. 4:9-12 Ele o levou então a Jerusalém e o postou sobre o parapeito do templo e lhe disse: “Se tu és filho de Deus, lança-te daqui para baixo; 10 pois está escrito: ‘Dará aos seus anjos um encargo concernente a ti, para preservar-te’, 11 e: ‘Eles te carregarão nas mãos, para que nunca batas com o pé contra uma pedra.’” 12 Jesus disse-lhe, em resposta: “Dito está: ‘Não deves pôr Jeová, teu Deus, à prova.’”

Terça-feira, 3 de fevereiro

[Jonas] continuava proclamando e dizendo: “Apenas mais quarenta dias e Nínive será subvertida.” — Jonas 3:4.

Jeová deu aos habitantes de Nínive, capital da Assíria, a oportunidade de acatar seu aviso. Ele declarou a Jonas: “Levanta-te, vai a Nínive, a grande cidade, e proclama contra ela que subiu perante mim a maldade deles.” Nínive merecia ser destruída. (Jonas 1:1, 2; 3:1-3) No entanto, quando Jonas declarou a mensagem de condenação, “os homens de Nínive começaram a depositar fé em Deus, e passaram a proclamar um jejum e a pôr serapilheira, desde o maior deles até o menor deles”. Seu rei “se levantou do seu trono e despiu-se de seu manto oficial e cobriu-se de serapilheira, e assentou-se nas cinzas”. Os ninivitas corresponderam aos esforços de Jeová de avisá-los e se arrependeram. Por isso, Jeová não causou a calamidade. — Jonas 3:5-10. w13 15/6 4:9, 10

Jonas 3:4 Por fim, Jonas principiou a entrar na cidade numa caminhada de um dia, e continuava proclamando e dizendo: “Apenas mais quarenta dias e Nínive será subvertida.”
Jonas 1:1, 2 E começou a vir a haver a palavra de Jeová para Jonas, filho de Amitai, dizendo: 2 “Levanta-te, vai a Nínive, a grande cidade, e proclama contra ela que subiu perante mim a maldade deles.”
Jonas 3:1-3 Então veio a haver a palavra de Jeová para Jonas pela segunda vez, dizendo: 2 “Levanta-te, vai a Nínive, a grande cidade, e faze-lhe a proclamação que eu te falar.” 3 Nisso Jonas se levantou e foi a Nínive, segundo a palavra de Jeová. Ora, a própria Nínive mostrou-se para Deus uma cidade grande, de três dias de caminhada.
Jonas 3:5-10 E os homens de Nínive começaram a depositar fé em Deus, e passaram a proclamar um jejum e a pôr serapilheira, desde o maior deles até o menor deles. 6 Quando a palavra atingiu o rei de Nínive, então ele se levantou do seu trono e despiu-se de seu manto oficial e cobriu-se de serapilheira, e assentou-se nas cinzas. 7 Além disso, fez proclamar e dizer em Nínive, pelo decreto do rei e dos seus grandes, dizendo: “Nenhum homem e nenhum animal doméstico, nem manada nem rebanho, deve saborear coisa alguma. Nenhum [deles] deve tomar alimento. Nem mesmo água devem beber. 8 E cubram-se de serapilheira, homem e animal doméstico; e clamem a Deus com força e recuem, cada um do seu mau caminho e da violência que havia nas suas mãos. 9 Quem sabe se o [verdadeiro] Deus [não] voltará e realmente [o] deplorará, e recuará da sua ira ardente, para que não pereçamos?” 10 E o [verdadeiro] Deus chegou a ver os seus trabalhos, que tinham recuado de seu mau caminho; e por isso o [verdadeiro] Deus deplorou a calamidade de que falara que lhes ia causar; e ele não [a] causou.

Baixar informações completas em arquivos digitais para Computador, Tablet computer, Smartphone

Baixar informações para o estúdio pessoal para Computador, Tablet computer, Smartphone

Baixar informações para o estúdio pessoal para Computador, Tablet computer, Smartphone

Conteúdo recomendado