PESQUISAR CONTEÚDO

Custom Search

Biografia de Louis Jacques Mande Daguerre

ADS BY GOOGLE

18 de novembro de 1787
10 de julho de 1851
Louis-Jacques-Mandé Daguerre nasceu em Cormeilles-en-Parisis, em 18 de novembro de 1787. Químico e o artista francês famoso pela invenção que leva seu nome, o daguerreótipo é o primeiro processo fotográfico para o desenvolvimento de imagens. O jovem Luís passaram sua infância em Orléans, onde seu pai trabalhava como caixeiro na Propriedade do rei; mãe é Leda semeou e ela trabalha muito real na embaixada. Louis começou a trabalhar no cenógrafo do edifício da ópera de Paris mais tempo considerável de experiência no campo do design e cenografia. Daguerre era um dos alunos do primeiro pintor francês de paisagens, o artista Pierre Prévost.
Pintor e cenógrafo teatral serão estas para inventar a utilização de maquete no teatro: é um tipo de cenário pintado com a ajuda da câmara escura, na qual são projetadas luzes diferentes intensidades de cor e para que você pode conseguir efeitos cénicos muito especiais. A partir do ano de 1824 começou suas primeiras experiências para tentar consertar as imagens obtidas através de câmara escura. Inicia uma correspondência com Joseph Niépce, fotógrafo e pesquisador: seis anos após a morte do último Daguerre conseguem completar sua pesquisa feita para desenvolver sua técnica que terá como antecipado apenas seu nome: o daguerreótipo. Esta técnica e este processo, será publicado em 1839 pelo cientista François Arago em duas sessões separadas: uma para a Académie des Sciences e o outro no Académie des Beaux Arts. A invenção é feita então no domínio público: ganhar para Louis Daguerre uma pensão ao longo da vida. Louis Daguerre morreu em Bry-sur-Marne (França), em 10 de abril de 1851, com a idade de 63 anos.
Artigo aportado pela equipe de colaboradores.

PESQUISAR CONTEÚDO

Custom Search

ADD THIS