PESQUISAR CONTEÚDO

Custom Search

Biografia de Enrico Brignano

ADS BY GOOGLE

John Daly

18 de maio de 1966
Enrico Brignano nasceu em 18 de maio de 1966, em Roma, no Sling. Treinados na "Academia de jovens comediantes" fundada por Gigi Proietti, participa da primeira edição da tv show "La sai L'ultima?", liderada por Pippo Franco no canal 5, atuando como saini_dk. Comentários em 1992, da primeira edição de "a sério", apresentado pelo Gene Gnocchi e Teo Teocoli, a partir de 1998 Brignano interpreta o personagem de Jacinto na ficção de Raiuno "Medico da ONU em famiglia".
A série de tv, no qual ele interpreta o papel de namorado da empregada Cettina (moldura Savino) dá o romano percepção imediata de ator, bem como maior reconhecimento do público, que assim também segue um jogo com extremo interesse: por exemplo, em 1999 a cena com o primeiro show dele próprio, intitulado "I para você um livro aberto" e também transmitido pelo canal 5. Após excursionar como diretor e estrelou o longa-metragem "Presto um amore terrível de Si fa" com Vittoria Belvedere (mas anteriormente já havia estrelado "maçãs podres" - de Raffaele Festa Campanile, "Ambrose" - por Wilma Labate-, "Milagre italiano" - por Enrico Oldoini-vela, "contromano" - por Stefano Reali-"a bomba" - por Giulio Base), é escolhido por Carlo Vanzina em 2001 por seu papel como uma das estrelas da comédia "South Kensington" onde recitação juntamente com Giampaolo Morelli e Rupert Everett. O caminho no showbiz continua cheio de sucesso, e então o Henry tem a oportunidade de parar a carreira na tela grande, a fim de dedicar-se mais estreitamente com o teatro, sua verdadeira paixão: na temporada 2000/2001 traz ao palco "I para você um livro aberto-capítulo II", seguido por "capítulo 3-a história continua", "nunca digas do mouse" (2002/2003) e "nunca ser você" (2003/2004). Em 2007 Brignano leva a "Pirâmide", questionário transmitido em Raidue, juntamente com a Debora Salvalaggio.
Nesse mesmo ano, estreou no palco o Teatro degli Arcimboldi para transmitir o canal 5 "Zelig", no qual permaneceu até 2011 e com Giorgio Panariello e Vincenzo Salemme em "SMS-in disguise". O filme absorve muito nestes anos: em 2008 Brignano participa em "Asterix no the Olympics" (dirigido por Thomas Langmann e Frédéric Forestier) e "un'Estate al mare" (dirigido por Carlo Vanzina); no ano seguinte, dirigido por Vanzina, vai estrelar "un'Estate ai Caribe". Novamente com o filho de Steno em 2010 participa de "a vida é uma coisa maravilhosa", bem como outro filme cômico, "Sharm el Sheikh – um verão inesquecível", com Maurizio Casagrande e Elena Russo, dirigido por Ugo Fabrizio Giordani. Ainda no cinema, é a estrela do "Eu saltar em Havana" (comédia de 2011 com Francesco Pannofino, Virginia Raffaele e Aurora Cossio, Dario Baldi) e "Ex-amigos outra vez", de Carlo Vanzina.
Entretanto, Brignano não desdém a aparecer em vários dramas de tv: "em casa no último" (ao lado de Gerry Scotti e Maria Amelia Monti) e "Detetive" (com Serena Autieri) no canal 5 e "Um Natal para dois" (Alessandro Gassman) no céu. Depois de estrelar "Rugantino" teatro (ópera de 1962 que garra de serra, no passado, Nino Manfredi, Enrico Montesano e Valerio Mastandrea, entre outros), presentes com Luca Argentero (mais tarde substituído por Alessandro Gassman) e Ilary Blasi "cães de aluguel" na Itália 1: no programa é acompanhado por Pippo Baudo e Claudio Amendola. Bem ao lado de Amendola, no entanto, aparece como uma estrela de convidado na quinta edição do drama do canal 5 "I Cesaroni". Na tela grande em vez disso, em "até amanhã", dirigido por Andrea Zaccariello, enquanto na tv é um testemunho para Lavazza. Casou em 29 de agosto de 2008 com Bianca Palko, bailarina, Enrico Brignano (que tem origens siciliano e Abruzzese) teve, em agosto de 2011, a infelicidade de ouvir a notícia da morte de seu pai durante uma parada em seu show "é romano, mas não é minha culpa," um Termoli: por esta razão, seu próximo show foi nomeado "Tutto suo padre" em vez de "mentiras têm as pernas dela aberta". Grande fã do Lácio (embora a personagem do "Medico da ONU em famiglia" Jacinto é fã de Roma), ele tocou para marcar o centenário da equipe biancoleceste, para um skit Luigi Bigiarelli, suboficial das cigarrinhas e fundador da empresa.
No teatro, ele tem que trabalhar, bem como com seu professor Gigi Proietti (em "dá-me os olhos por favor", "por amor e prazer", "Mezzefigure" e "levar"), também com Pietro Garinei ("saúde") e Giorgio Albertazzi ("sonho de uma noite de verão"). Costumava dizer-vícios e virtudes dos italianos em suas peças (como "Brignano com ou" trouxe em turnê em 2006 e 2007, "de volta" e "as palavras que eu disse"), Brignano mostrou, especialmente em dramas de televisão, mesmo um humor dramático (por exemplo em "o bom pastor", "Diga-me uma história" e "o menino de Belém").
Artigo aportado pela equipe de colaboradores.

PESQUISAR CONTEÚDO

Custom Search

ADD THIS