PESQUISAR CONTEÚDO

Custom Search

Legislação - Definição, conceito, significado, o que é Legislação

ADS


Legislação: Compêndio definições e conceitos

Definição de legislação

O direito (do latim lex legis) é uma norma jurídica emitida pelo legislador, ou seja, um preceito estabelecido pela autoridade competente, em que é ordenado ou proíbe algo na linha de Justiça. Se assim não traz uma sanção. De acordo com o jurista panamenho César Quintero, em seu direito constitucional de livro, a lei é uma "norma emitida por uma autoridade pública que tudo classifica, proíbe ou permite, e todos devem a quem obediência." Por outro lado, o jurista venezuelano Andrés Bello definido lei, no artigo 1 do Código Civil do Chile como "uma declaração do soberano será, que se manifesta na forma prescrita pela Constituição, manda, proíbe ou permite".
As leis são de delimitação do livre arbítrio das pessoas dentro da sociedade. Pode-se dizer que a lei é controle externo que existe para o comportamento humano, em poucas palavras, as regras que regem a nossa conduta social. Constitui uma das fontes de direito, atualmente considerado o principal, que exigem a serem emitidas pela autoridade competente, ou seja, o corpo legislativo.
-Aristóteles: "o consentimento comum da cidade".
-Caio: "é o que o povo envia e define".
-Aftalión: "É a regra geral, estabelecida pelo órgão competente (legislador) usando a palavra".
-Kelsen: "no sentido específico, legislação: estabelecimento de normas jurídicas gerais, qualquer que seja o corpo que realizá-lo."
-Undo: "regra social obrigatória definida em uma base permanente do público e ser punida pela autoridade de força".
-Santo Tomas: "Ordenação da razão visando o bem comum e solenemente promulgada por quem se preocupa com a Comunidade".


Conceito de legislação

Legislação para o corpo de leis que regem determinadas matérias ou ciência ou o conjunto de leis, através da qual a vida em um país, ou seja, o que é popularmente chamado sistema jurídico é ordenada e denomina-se a qual estabelece os comportamentos e ações aceitáveis ou rejectable de um indivíduo, instituição, empresa, entre outros.
Cada lei por é que os legisladores de uma nação particular proferidas, sendo, com exceções, apenas autoridades competentes para isso, deve ser respeitado e cumprido por todos os cidadãos de contribuir para o bem da Comunidade, enquanto isso, no caso em que isso não é cumprido como deveria, cada particular tomará carga da sanção correspondente. Por exemplo, se esquerda estacionei meu carro em um espaço proibido e a autoridade que monitora surpresas esta pergunta me nessa situação, todos da lei vão cair fora de mim e eu responder por essa falta, ou pagar uma multa ou pagar um cânone estabelecido anteriormente.
E agora voltando a generalidade que ocupa-nos, as leis de um Estado democrático, por exemplo, é composto da constituição nacional que se ergue como a mãe padrão e supremo e então pelas leis que mencionamos mais acima e que são o produto do trabalho do legislador, essas autoridade reguladora de manifestações do poder executivo, tais como regulamentos, decretos, tratados, convenções, disposições, contratos, entre outros.
Se um vivia em uma comunidade em que há este conjunto de regras que nos dizem como agir, para responder a determinadas situações e que basicamente será classificada a vida sobre ele, então, é quase certo que iria enviar o descontrole, já que nem todas as pessoas tendem a respeitar o direito do outro, nem implantar suas obrigações, por que, e atendendo a esta questão é que a legislação é a melhor maneira que existe para que uma comunidade continuadesenvolve e cresce, no meio do caos que seria impossível assim que acontecerá.
Existem dois conceitos básicos sobre a origem do direito ou sistema jurídico. Por um lado os pontos atuais normativos que a lei é expresso em um conjunto de regras que são compreendidos e regem-se com uma série de juízos de valor, crenças e convicções. E, por outro lado, a corrente institucional pressupõe que esta ordem será estabelecida pela sociedade, os mecanismos que se aplicam e produzir normas e todas as instituições e os critérios de aplicação.


Definição de legislação

É o conjunto de leis de um Estado, entendimento pelas leis de acordo com a finalidade, regras sociais obrigatórias, impostas por uma autoridade pública, de forma permanente e que são sancionadas pela força.
A elaboração de leis em sentido formal, é uma autoridade privativa do poder legislativo, nascido da divisão clássica de poderes elaborado por Montesquieu. A aplicação da legislação é até o poder judiciário para exercer o poder de controle sobre o outro, e que nenhum pode abusar de seus poderes.
No material sentido leis são escritas as regras que as autoridades competentes são sancionadas no exercício de suas funções, como a constituição nacional, as Constituições provinciais, emana o poder legislativo nacional, legislação nacional e as regras gerais que ditam as assembléias provinciais, decretos regulamentares do poder executivo, os regulamentos de editais de polícia do Supremo Tribunal e das câmaras de recursos acordaram (na República Argentina).
Em um sentido formal, são as regras que emanam do poder legislativo nacional ou provincial e levar um número de identificação.
As leis que regem uma atividade particular, pelo seu conteúdo, agrupam-se em várias legislações e muitas vezes são objeto de codificação. Assim, podemos falar de, direito penal, processual, civil, comercial, etc. Falamos também de direito quando agrupamos que ensina cada Estado governar em seu território, tais como legislação, argentina, mexicano, uruguaio ou espanhol ou direito internacional através de tratados, Estados-Membros adoptarem regras comuns para aplicar em seus países.
Direito comparado é a análise das leis que regem sobre vários assuntos dos Estados do mundo, com a finalidade de estabelecer suas semelhanças e diferenças no tratamento jurídico das questões.


Conceito de legislação

A legislação da palavra refere-se a todo o conjunto de leis organizadas pelos organismos competentes que estão subjacentes a moral, a ética e a moral dentro de uma dada sociedade. O termo é puramente genérico, aplicado a qualquer espaço de vida do mundo, é claro, o mais notório é a legislação da haste, que é responsável por assegurar as responsabilidades e os direitos dos cidadãos de uma nação, mas na realidade ele pode ser chamado legislação para todo compêndio de regras que devem ser respeitados por todos iguais. As leis estabelecidas para as empresas e agências de emprego são mais específicas, são orientadas na necessidade de trabalho, que cada elemento cumpre e respeita suas funções dentro da área de trabalho.
As leis desse tipo tem uma variante de complicado, porque o trabalho hoje merece um respeito superior e favorável em relação a eles, graças a leis estaduais emitida para o efeito. Tudo isso é dada por uma lei criada nos tempos da colônia, onde a escravidão era uma ferramenta dos colonizadores impérios, que foram responsáveis para a obtenção de trabalho Africano que foi pago com alimentos e casos não muito extremos, com vida de preservar foi suficiente.
A legislação é um estado de controle, se a população não dependia deste conjunto de normas, a criação de uma estrutura social não poderia fazer, já que liberdade é bom para um ponto de medida no qual consciência e todas as éticas valores funda-se para criar uma lei regulamentar. As leis são moldadas por uma série de tratados questionada e debatida em uma sala cheia com um Tribunal de Justiça, advogados e representantes da sociedade, que são responsáveis para produzir os textos necessários para discutir a adoção de uma lei. Em muitos países, a criação de leis é realizada em uma cerimônia pública, onde a mídia e a resposta da cidadania desempenham um papel fundamental, tendo em conta as opiniões de diferentes fontes que incluem aqueles que são contra a formação de leis, mas geralmente a discussão sempre leva a legislação ideal ao serviço da Comunidade.

PESQUISAR CONTEÚDO

Custom Search

ADD THIS