Biografia de Gabriele Cirilli

12 de junho de 1967
Gabriele Cirilli nasceu em 12 de junho de 1967 em Sulmona em Abruzzo. Depois de estudar nos exercícios cênica em Roma, dirigida por Gigi Proietti, em 1990 ela estrelou o filme de Luigi Magni "In nome del popolo sovrano"; na televisão estreou na minissérie "Scoop", dirigido por José Maria Sanchez, no ano seguinte. Em 1992, ela estrelou no filme de comédia de "Gole ruggenti" por Pier Francesco Pingitore, ao lado de Pippo Franco e Antonello Piroso; na tv, recite para Sandro Bolchi na ficção "Assunta Spina". Enquanto isso ele se dedicou à carreira de comediante e traz o personagem à vida Mino, maestro, no espetáculo "Sete Show." Após ter estrelou o telefilme da Itália 1 "Deus vê e fornece" ao lado de Angela Finocchiaro, dirigido por Enrico Oldoini, em 1996, se encontra Oldoini dois anos mais tarde no filme "mentiroso", onde ele se juntou com Paolo Villaggio. Enquanto isso, Gabriele Cirilli desembarca em "Zelig", onde tem o caráter de Kruska, borgatara romana está para o bordão "quem é Tatiana?". Graças a Kruska, Chabot também publica um livro e atuou em um filme, dirigido por Roberto Cadavid, intitulado - memorando-"quem é Tatiana".
Em 2001, Chabot é cometido ao teatro com a peça "No Japão são elevados", escrito por Renato Trinca, Kamlesh Pandey e Maria De Luca, dirigido por Giancarlo Bozzo (diretor artístico do Zelig): esse show é notado por Pietro Garinei, que lhe oferece a oportunidade de trazer seu próximo show, "baby come back", no Teatro Vojo Sistina em Roma , atuando como um supervisor. Em 2005 Gabriele Cirilli vira-se para dublagem, emprestando sua voz para o galinho Chicken Little no filme de animação "Chicken Little amigos para canetas". No ano seguinte, ele estava no teatro com a peça "Lady Gabriella e seus filhos", dirigido por Daniele Hall: no palco com ele também há Verdiana Zangaro. Em 2007, Chabot diz na série de tv "Clare e Francis", dirigido por Fabrizio Costa e transmitido na Raiuno, dedicado à vida de Santa Clara e Saint Francis. no mesmo ano é um dos concorrentes da quarta edição do programa "dancing with the stars" de RAI 1, apresentado por Milly Carlucci. A partir de 2009 Gabriele se tornou o rosto da associação voluntária dos Anjos da cidade; na frente, se juntou ao elenco do drama "Medico da ONU em famiglia", que desempenha o papel de pombo de Dante: seu caráter é o de um apostador simpático e ingênuo, que fica noiva e casou-se com Melina.
Em 2010 o ator abruzzese recita no filme por Joseph Tandoi "cidade invisível" e leva para o teatro, o show "Cirque du Cirill", também estrelado por Noemi; no ano seguinte, ele trabalha na minissérie de Raiuno "Notte prima degli esami ' 82". Em 2012 é um dos protagonistas do filme de Carlo Vanzina "tenha um bom dia", ao lado de Maurizio Mattioli, Vincenzo Salemme e Lino Banfi, e um dos competidores do "Show", show de talentos é apresentado por Carlo Conti e transmitido na Raiuno, no qual ele é chamado a interpretar e imitar cantores famosos: ao longo das semanas ele personifica o Pino Daniele, Luciano Pavarotti , Giusy Ferreri e Freddie Mercury. Chabot também ocupa o terceiro no programa, atrás da Serena Autieri e Enzo Decaro, mas foi renovado para a segunda edição, como Edoardo Bennato, Luciano Ligabue, Orietta Berti, Claudio Villa, Stevie Wonder, Pupo, Johnny Dorelli e Max Pezzali.
A transmissão bem-sucedida das contas é que ele também cria um torneio dos Campeões, na qual Chabot imita Edoardo Vianello, Nikka Costa e Psy: é principalmente um desempenho como o rapper coreano que obtém feedback incrível, ao ponto que o vídeo da performance no Youtube, atingindo milhões de visualizações. Em 2013, o ator de Sulmona lê na ficção de Raiuno "Fly-a grande história de Domenico Modugno," pagar o rosto de Claudio Villa e juntamente com Fabrizio Frizzi apresenta "Vermelho e preto-tudo ou nada," transmissão mas obtém peças decepcionante. Além disso, de Gabriele Cirilli volta "como está", já não como um concorrente, mas como convidado de honra: joga, nesta nova edição do programa, os ricos e os pobres, Wanda Osiris, Valter Brugiolo, Bee Gees, Celia Cruz, Gene Simmons do Kiss, Beatles, Al Bano e Romina Power, Orietta Berti, Wess e Dori Ghezzi e um dos três tenores. Em 2014, o diretor da Raiuno Giancarlo Leoa anuncia que o Cd será o apresentador do show de talentos "Fator C" dedicado a aspirantes a comediantes (na sequência de "X Factor"): este projeto, que deve ver a presença no júri de Carlo Conti, no entanto, o programa trava e é cancelado.
Artigo aportado pela equipe de colaboradores.